quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Desapego

Até pouco tempo atrás se você a quisesse de volta, ela estaria te esperando com os braços abertos e com o "te perdôo" na ponta da língua, mas as coisas mudaram, a menina cresceu e aprendeu.
 Quer voltar? Vai ter que conquista-lá de novo e saber que a confiança nunca mais será a mesma.
Afinal, ninguém mandou trair a confiança dela...
A garota não tem medo de ficar sozinha, e como diria o bom e velho ditado, antes só do que mal acompanhada.
As coisas mudaram, ela é mais feliz agora, mais desapegada, mais independente, mais ela. O sentimento de ser segunda opção, e de nunca ser o suficiente, passou.
Aprendeu a fazer de si mesma, a sua primeira opção. Ela vive por ela.
Quando sai, ela usa um decote profundo, um salto alto, esbanja sorrisos e escolhe ignorar os sentimentos e partir para uma outra, mostra como não precisa de um homem ao lado dela, (ainda mais um que não merece estar lá).
Mas ela que se prepare, pois assim que novos sentimentos se aflorarem, uma nova enxurrada de emoções virá e aí não há coração que aguente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário