quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Vamos Ajudar: Doação de Medula Óssea

Olá meninaaaada! Tudo bom com vocês?
Hoje eu trouxe uma proposta muito legal e algumas informações bem importantes sobre ela.
Vocês já pensaram em ser doador de medula óssea?
Existem muitos equívocos sobre a questão de doação de medula óssea, mas tenho certeza que as informações que eu trouxe aqui vai tirar suas dúvidas.

O que é medula óssea?
É um tecido líquido-gelatinoso que ocupa o interior dos ossos, sendo conhecida popularmente por 'tutano'. 

Na medula óssea são produzidos os componentes do sangue: as hemácias (glóbulos vermelhos), os leucócitos (glóbulos brancos) e as plaquetas. 
As hemácias transportam o oxigênio dos pulmões para as células de todo o nosso organismo e o gás carbônico das células para os pulmões, a fim de ser expirado.
Os leucócitos são os agentes mais importantes do sistema de defesa do nosso organismo e nos defendem das infecções. 
As plaquetas compõem o sistema de coagulação do sangue.

O que é transplante de medula óssea?
É um tipo de tratamento proposto para algumas doenças que afetam as células do sangue, como leucemia e linfoma. 
Consiste na substituição de uma medula óssea doente, por células normais de medula óssea, com o objetivo de reconstituição de uma nova medula saudável.


Passo a passo para se tornar um doador:
- Qualquer pessoa entre 18 e 55 anos com boa saúde poderá doar medula óssea. Esta é retirada do interior de ossos da bacia, por meio de punções, e se recompõe em apenas 15 dias.

- Os doadores preenchem um formulário com dados pessoais e é coletada uma amostra de sangue com 5ml para testes. Estes testes determinam as características genéticas que são necessárias para a compatibilidade entre o doador e o paciente.

- Os dados pessoais e os resultados dos testes são armazenados em um sistema informatizado que realiza o cruzamento com dados dos pacientes que estão necessitando de um transplante.

- Em caso de compatibilidade com um paciente, o doador é então chamado para exames complementares e para realizar a doação.

- Tudo seria muito simples e fácil, se não fosse o problema da compatibilidade entre as células do doador e do receptor. A chance de encontrar uma medula compatível é, em média, de UMA EM CEM MIL!

- Por isso, são organizados Registros de Doadores Voluntários de Medula Óssea, cuja função é cadastrar pessoas dispostas a doar. Quando um paciente necessita de transplante e não possui um doador na família, esse cadastro é consultado. Se for encontrado um doador compatível, ele será convidado a fazer a doação.

- A doação de medula óssea é um gesto de solidariedade e de amor ao próximo.

- É muito importante que sejam mantidos atualizados os dados cadastrais para facilitar e agilizar a chamada do doador no momento exato.

Meus pais já são doadores de medula óssea, já eu ainda não tenho idade, mas quando eu fazer 18 podem ter certeza que vou ser uma doadora também! Espero que vocês tenham interesse em ajudar! E a verdade seja dita:
Para o doador, a doação será apenas um incômodo passageiro. Para o doente, será a diferença entre a vida e a morte!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário